sexta-feira, 17 de abril de 2015

A torre, sempre visível - III


À noite temos a Estrela Polar para nos orientar, de dia podemos dizer que temos a Torre dos Clérigos?
Diria que é uma fotografia à Paulo César Silva 
(pb, com contrastes, fotografia de rua e da cidade do Porto)

E assim, dou início a outra rúbrica no Questiuncas. 
A primeira foi a Portas e afins e a segunda, Trilogias.
Esta terceira, vou intitular de "A torre, sempre visível" e como o nome indica são fotografias tiradas à Torre dos Clérigos. Começa já atrasada, pois esta é a terceira fotografia.
Se quiserem dar sugestões de locais de onde se vê a Torre dos Clérigos, é só mandar um mail ou deixar um comentário.
 

Yashica Mat 124G
Ilford HP5 Plus
Rua de Cedofeita, Porto

10 comentários:

  1. Em plena R. de Cedofeita !
    Boa sorte para a nova série.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Certamente que nesta série não chegarei ao nº 100 como nas portas, mas é um desafio interessante.

      Eliminar
  2. Eu posso dar muitas sugestões de locais de onde não se vê a Torre dos Clérigos. Se quiser, terei todo o gosto em partilhar esses locais, para que depois não vá em erro.
    :-)

    Para quando a rubrica "As mamas da Maria" ou "Tira as mãos daqui, eu sei que é bom mas não é para ti"?
    Se ainda não pensou com carinho nessas rubricas, aqui fica a ideia, e nem levo nada por isso.
    :-P

    A Pensão Almeida ficou bem valorizada na fotografia. A Super Bock também. O homem, apesar de estar com cara de poucos amigos, também dá um ar da sua graça. A Torre que aparece lá ao fundo, é que acho que ficou a mais. Com um pouco de Photoshop acho que ela poderia desaparecer desta vista.
    :-P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que o Remus gostou de quase toda a fotografia.
      Infelizmente, o meu "fundamentalismo" quanto ao Photoshop impede-me de retirar a Torre dos Clérigos da fotografia.

      Eliminar
  3. E depois de uns diazitos de ausência, das minhas partes, em que pude constatar, que por aqui, o blog do Questiuncas, não parou de bombar... deparo-me com uma foto espectacular, realmente bem ao jeito do Paulo...
    E como bom aluno, de um grande mestre... o resultado só poderia ser do melhor... GANDA FOTO!!!!!
    Por mim, nada contra trilogias... e venham muitas... sempre em bom... como já deu para ver... e porque me palpita, que o número 3, é um dos números da sorte do Questiuncas... será uma sorte, apreciar o que o Questiuncas tem para nos mostrar... e que se possa ver... em conjuntos de três...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já vi esta fotografias em vários monitores, e em cada um apresenta um contraste diferente. Mas a que gosto mais é com o contraste mais forte, tipo à Paulo César Silva.

      Eliminar
  4. Conheço mal para lhe dizer de onde se pode ver, o certo é que há determinados lugares onde é impossível não a avistar.
    Eu tenho uma para colocar e só ainda não o fiz , porque há um membro do clero a abençoá-la num jardim de oliveiras e não há meio de descobrir o nome de sua santidade.
    Gostei da perspectiva e se foi de Cedofeita , tanto melhor!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Manu coloque a fotografia que alguém vai-se encarregar de dizer quem é essa figura do clero.
      Mas arrisco a dizer que é D. António Ferreira Gomes, que foi Bispo do Porto.

      Eliminar
  5. por acaso a minha próxima foto vai ter a torre visível, já ficas com uma localização que vais reconhecer de certeza absoluta... mas recomendo uma foto no cruzamento da rua das Flores com a rua da Ponte Nova, por volta das 10h-12h se houver sol! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já vi a fotografia, como de habitual um espectáculo.

      Eliminar